Ilka Brunhilde Laurito - A MENINA QUE DESCOBRIU O BRASIL (Editora FTD, Coleção Espelhos, Série A Menina que Fez a América)



Título: A Menina que Descobriu o Brasil
Autor (a): Ilka Brunhilde Laurito [lista]
Editora: FTD
Coleção: Espelhos [lista]
Série: A Menina que Fez a América (Nº 2)
Período de Publicação: 2001
Número de Páginas: 166
ISBN: 85-322-4604-4
Arte da Capa: Patrícia Lima
Ilustrador (a): Patrícia Lima
Edição Original: A Menina que Descobriu o Brasil, 1994, Brasil, Editora FTD
Edições: 7ª (2001)






Contracapa: Os imigrantes têm pressa. O século XX promete prosperidade a quem trabalha e poupa. Preguiça e cansaço são palavras ausentes no cotidiano da rua Tamandaré, reduto dos calabreses. Felizes os que têm muitos filhos. Quanto mais braços, mais curto o caminho para a prosperidade. Era hora de Fortunata, a menina de dez anos ajudar a mãe e o padrasto a fazerem a América. Depois dos primeiros abraços, o dia-a-dia da mulher imigrante: arrumar a casa, lavar, passar, cozinhar, casar com um patrício e ter muitos filhos. O desejo de ser professora, de casar com um cavaleiro andante não frutificariam na Liberdade. A claridade do sol, a agitação diária, as palavras precisas da mãe Giuseppina se encarregariam de apagar os sonhos tecidos durante a noite. Fortunata tinha que fazer a América e para isso precisaria aprender a ser como outras italianas da rua Tamandaré. E assim Fortunata descobriu o Brasil.


Outras Informações:


A Menina que Descobriu o Brasil ganhou da União Brasileira de Escritores (UBE), do Rio de Janeiro, o Prêmio Alejandro Calasso, em 1995.

A saga de Fortunatella, a protagonista do livro, foi iniciada em outro livro da autora, A Menina que Fez a América, lançado em 1989.

Nenhum comentário:

Postar um comentário